Busca rápidaX

MANCHETES

“Ijuí tem um galpão com nome de rodoviária”, lamenta mulher

16 de junho de 2022

A Estação Rodoviária de Ijuí é alvo de constantes críticas de quem precisa frequentar o local. A falta de conforto e de segurança faz com que usuários peçam por melhorias. Catiane Senário, nascida em Ijuí e residente em Gravataí buscou as redes sociais para relatar o que classificou como uma situação desesperadora.

Passei por uma situação da qual não desejo para ninguém. Sou natural de Ijuí, mas faz 3 anos que moro em Gravataí. Vim a passeio para visitar minha família. Meu ônibus vindo de Porto Alegre era para chegar 1h30, porém chegou a meia-noite. Aí começa o problema: não cheguei em uma rodoviária, mas sim em um galpão ou sei lá o que. O lugar extremamente escuro, sem nenhuma segurança e nem mesmo um táxi à disposição”, revelou.

A mulher conta que desembarcou e encontrou algumas pessoas dormindo no chão. “Quando saí do ônibus três minutos depois o ônibus partiu e simplesmente desligaram as luzes e eu entrei em desespero, pois não conseguia acreditar estar passando por esta situação fiquei no escuro orando para nada acontecer”, lamentou.

Catiane prossegue questionando o porquê de uma cidade que acabou de receber um título de capital nacional das etnias não tem uma rodoviária melhor. “Isso é uma pouca vergonha, um desrespeito, tanto para os moradores quanto para as pessoas que aqui chegam. Estou extremamente decepcionada, pois uma cidade que era para estar crescendo está cada dia pior. E isso continuará até quando? Será que a prefeitura também não pode tomar alguma atitude Andrei Cossetin Sczmanski? Vão esperar algo bem pior acontecer?”, conclui.

Fonte: Rádio Progresso
error: Conteúdo protegido!