Busca rápidaX

MANCHETES

Leandro Boldrini vai a júri popular pela morte do filho

15 de setembro de 2017

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu nesta quinta-feira (14) que Leandro Boldrini, pai do menino Bernardo e acusado de envolvimento na morte do filho em abril de 2014, irá a júri popular. O réu responde pelo crime, juntamente com a madrasta de Bernardo Graciele Ugulini, e os irmãos Edelvânia e Evandro Wirganovicz.

A criança foi morta após ingerir quantidade excessiva de sedativos e teve o corpo enterrado numa cova, próximo a um rio, no interior de Frederico Westphalen, no Norte. 

A quinta turma do STJ acompanhou de forma unânime o voto do relator Ribeiro Dantas pela negativa do recurso da defesa, que tentava afastar as qualificadoras que a defesa entende não serem aplicáveis ou não ir a júri popular.

Participaram do julgamento os juízes Felix Fischer, Jorge Mussi, Reynaldo Flores da Fonseca e Joel Ilan Paciornik. A defesa de Boldrini disse que não se pronunciará sobre o caso e só se manifestará nos autos do processo. 

error: Conteúdo protegido!