Busca rápidaX

MANCHETES

Abandono do espaço público: Ginásio de esportes no Alvorada é vandalizado e registra princípio de incêndio

23 de junho de 2022

Inaugurado em março de 2018, o ginásio Emílio Stiebbe, no bairro Alvorada está inutilizado. A quadra de esportes é a única parte da estrutura que ainda não foi completamente tomada pelo descarte de lixo. Após anos de reivindicação, a comunidade assistiu a concretização de um dos maiores temores: vândalos atearam fogo em colchões e as chamas atingiram parte da estrutura do prédio público, na tarde desta quinta-feira, 23. O Corpo de Bombeiros foi acionado por vizinhos, que assustados, temiam que as chamas se alastrassem e atingissem residências. Felizmente o princípio de incêndio foi controlado, mas expôs uma situação alarmante: o abandono do espaço, construído para usufruto da comunidade. 

Além de pichações com apologia ao crime e à violência, vândalos depredaram a estrutura interna. No espaço dos banheiros, muito lixo e materiais descartados incorretamente, como frascos de bebidas alcoólicas, roupas, embalagens, colchões e até preservativos. Num dos cômodos, uma “cama” feita no chão, denuncia que o local é utilizado para pernoite.

Vizinhos questionam a falta de ação do poder público no espaço. “Nós temos medo de passar aqui durante a noite porque são muitas pessoas ali, bebendo e usando drogas, que intimidam quem passa”, lamenta uma moradora, que prefere não ser identificada. O morador Diouser Bigolin Gewehr alerta sobre a situação há tempos, inclusive através das redes sociais. “Por essa situação esses dias havia colocado em meu Facebook um convite as autoridades e vereadores a dar uma passada e olhada na situação em q se encontra essa quadra de esportes”, disse. 

A reportagem da Rádio Progresso questionou a assessoria de comunicação da Prefeitura Municipal, que se manifestou através de nota:

“O Governo Municipal lamenta o ocorrido no Ginásio Emílio Stiebbe, no Bairro Alvorada. No entanto, o vandalismo jamais irá superar a educação. O local será devidamente recuperado e entregue em condições de uso para a comunidade. Em regime de emergência, iremos licitar o serviço, buscando brevidade na solução”.

Fonte: Rádio Progresso de Ijuí
error: Conteúdo protegido!