Busca rápidaX

MANCHETES

Justiça decreta prisão de homem que matou três pessoas em Porto Xavier

14 de junho de 2022
Vítimas foram mortas no domingo, 12 (Foto: Reprodução)

A Polícia Civil, sob coordenação do Delegado de Polícia Anderson Pettenon, que lidera a investigação e apuração do triplo homicídio ocorrido em Porto Xavier, decretou a prisão preventiva do acusado do crime. Trata-se de Ezequiel da Rosa, 36 anos de idade.
Após abandonar o veículo usado para após o crime, ele não foi mais visto. O Poder Judiciário, acolhendo a representação da Polícia Civil, decretou a prisão preventiva do suspeito na tarde desta segunda-feira, 13.
Qualquer informação pode ser repassada, de maneira anônima, à Polícia Civil através do telefone/whatsApp 55 98423-8475. O sigilo é absoluto. Com a decretação da prisão preventiva, Ezequiel passa à condição formal de foragido.

O CASO

Ezequiel da Rosa teria invadido uma casa, onde morava sua ex-companheira e atacado a golpes de faca ela, um filho da mesma e um homem, que seria proprietário da casa e que tentou socorrer as vítimas ao ouvir os gritos vindos da moradia.

Os três morreram no local. Uma quarta pessoa, uma jovem, também foi atingida mas conseguiu fugir e pedir por socorro.

AS VÍTIMAS

Foram identificadas as vítimas da terrível chacina que aconteceu ontem à noite (12/06), no Bairro Cruzeiro em Porto Xavier. A pacata cidade de pouco mais de 10 mil habitantes ficou abalada com o acontecimento.

As três vítimas estão sendo veladas na cidade, enquanto uma menina de 12 anos que conseguiu fugir e pedir socorro segue internada devido aos ferimentos sofridos.

As vítimas foram identificadas como:

•Oscar Valenzuela Pereira, que faria 17 anos daqui três dias.

•Vânia Gomes Gonçalves, 36 anos.

•Dejalmo Nadalon, 78 anos.

O acusado do bárbaro crime, identificado como Ezequiel da Rosa, de 36 anos, segue foragido.

Até o dado momento, apenas o carro do acusado foi encontrado abandonado.

Denúncias pode ser feitas através do telefone (55) 3352 4190 e (55) 3352 4114 (WhatsApp).

Fonte: Rádio Progresso de Ijuí
error: Conteúdo protegido!