Busca rápidaX

MANCHETES

Ceriluz realiza novos encaminhamentos na construção de duas usinas

16 de maio de 2022
Usina em construção em Augusto Pestana

No máximo em três meses o BRDE – Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul – deverá liberar o financiamento para a Ceriluz construir a Pequena Central Hidrelétrica (PCH) Linha 11 Oeste, que vai ser edificada no leito do rio Ijuí, em Coronel Barros. Semana passada o presidente da Ceriluz, Iloir de Paulo, se reuniu com o BRDE, em Porto Alegre, quando obteve a informação.

Diante disso, frisou que a partir de hoje começa a obra, com implantação do túnel, casa de máquinas e canal que vai conduzir a água para tocar as turbinas. O túnel vai ter dois quilômetros e 800 metros de extensão. Iloir de Pauli frisou que num prazo de 16 a 18 meses a usina, em Coronel Barros, deverá estar em condições de entrar em funcionamento. O investimento é de aproximadamente 160 milhões de reais, com potência de 23,6 Megawatts.

Além disso, o presidente da Ceriluz projeta que no máximo em dois meses vai ser concluída a construção da barragem e casa de máquinas da Central Geradora Hidrelétrica (CGH) Augusto Pestana, em edificação no rio Conceição, distrito de Arroio Bonito, município de Augusto Pestana. Já estão encomendados os equipamentos e geradores. A usina vai ter barragem de 100 metros de largura e 4,2 metros de altura, com gerador de 1,4 megawatt.

Fonte: Radio Progresso de Ijuí
error: Conteúdo protegido!