Busca rápidaX

Busca por atendimentos médicos cresce 75% em Ijuí

24 de maio de 2022
Longas filas e demora no atendimento tem sido as reclamações constantes de usuários do sistema de saúde nos últimos dias em Ijuí (Foto: Divulgação)

Nas últimas semanas a cidade de Ijuí tem registrado dezenas de reclamações por demora no atendimento de urgência e emergência em unidades de saúde, especialmente na UPA e no Centro de Triagem.

Essa elevação nas reclamações é ocasionada, pelo aumento expressivo na busca de atendimento médico, após os primeiros dias de frio mais intenso. Conforme o coordenador da Rede de Urgência e Emergência de Ijuí, Tiago Zientarski, até agora, o mês de maio teve aumento de 75% na busca de atendimentos, comparado ao mesmo período de 2021, quando, inclusive, havia pico de casos de Covid-19. De acordo com Zientarski, a elevação de casos é ocasionada por sintomas respiratórios.

“Basicamente, o aumento da procura é por sintomas respiratórios, relacionados ou não, a Covid-19. Nesses primeiros 25 dias de maio, comparado com o mesmo período do ano passado, temos um registro de um aumento de 75% no número de atendimentos. Então, essa situação que a gente vê na UPA e no Centro de Triagem, ela se repete no HCI, no Hospital da Unimed, em UPAs da região, em Porto Alegre, enfim, em todo o Estado há superlotação das unidades de saúde”, afirma o coordenador.

Para tentar amenizar o impacto desse aumento repentino de procura por atendimento médico, Zientarski aponta que as equipes médicas e de atendimento em saúde foram reforçadas na UPA e no Centro de Triagem, visando dar mais agilidade no despacho dos casos que, conforme o profissional, são majoritariamente de sintomas leves.

Ainda conforme Tiago Zientarski, neste mês a UPA já teve 4,5 mil atendimentos, uma média de 200 por dia, e o Centro de Triagem 1,7 mil pessoas atendidas.

Confira a entrevista completa

Fonte: Rádio Progresso de Ijuí
error: Conteúdo protegido!