Busca rápidaX

MANCHETES

Doenças na soja e milho alertam para cuidados por parte de agricultores na região de Ijuí

24 de fevereiro de 2024

Desde setembro do ano passado, quando começou o monitoramento da ferrugem asiática em Ijuí, no ponto de coleta de esporos, todas as semanas há confirmação de incidência da doença, inclusive no recente período em que faltou chuva.

A ferrugem asiática aumenta com a umidade. O agrônomo da Emater, João Burati, orienta que os agricultores se informem com as assistências técnicas sobre a necessidade de aplicação de fungicidas. Em relação às lagartas, a regra é também acompanhar as lavouras e avaliar caso a caso se exige agrotóxicos.

No que se refere ao milho da safra 2023/2024, a colheita está concluída em Ijuí. O rendimento foi bastante variado mas, no geral, não atingiu a produtividade esperada. Houve produtividade de 110 a 120 sacas por hectare em várias lavouras, mas em outras foi menor, de 85 a 90 sacas. Poucas chegaram a cerca de 140 sacas. O excesso de chuva causou doenças, como bacteriose, que chegou a derrubar plantas. Também teve ataque de cigarrinha.

Fonte: Rádio Progresso de Ijuí