Busca rápidaX


Entidade reúne familiares de vítimas das tragédias da Boate Kiss, Mariana, Brumadinho, Ninho do Urubu e Maceió

23 de abril de 2024

Associações que representam familiares, vítimas e sobreviventes de grandes tragédias ocorridas no Brasil nos últimos anos firmaram uma união para fortalecer sua representação na Justiça. A entidade reúne pessoas afetadas pelos incêndios na Boate Kiss e no Ninho do Urubu, o rompimento das barragens de Mariana e Brumadinho, além do afundamento do solo em Maceió.

A primeira ação do grupo foi um pedido, feito em 15 de abril, para realizar uma audiência conjunta na Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), que é um órgão da Organização dos Estados Americanos (OEA), com sede em Washington, nos EUA.

O propósito seria denunciar violações dos direitos humanos realizadas por grandes empresas no Brasil. Além disso, a longo prazo, o grupo busca uma tramitação mais rápida dos processos de grandes tragédias na Justiça.

Flávio Silva, presidente da Associação dos Familiares de Vítimas e Sobreviventes da Tragédia de Santa Maria (AVTSM), disse que a união surgiu por iniciativa dele e do diretor jurídico, Paulo Carvalho. Em janeiro, houve a primeira conversa, que foi solidificada com representantes das outras entidades, em fevereiro.

Fonte: G1 RS