Busca rápidaX

MANCHETES

Governo Federal faz novos anúncios para o RS e contempla municípios da região

6 de junho de 2024
Anúncios foram feitos após visita do presidente Lula ao Vale do Taquari nesta quinta-feira, 06 (Foto: Ricardo Stuckert/PR/Reprodução)

Em mais uma visita ao Rio Grande do Sul, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, fez novos anúncios para a população atingida pelas enchentes no Estado gaúcho. 

Em visita a municípios atingidos no Vale do Taquari, o governo federal anunciou que iniciou o processo de compra de residências prontas para serem repassadas àquelas famílias que perderam suas casas na tragédia. 

Além disso, foi comunicado a ampliação de repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) para mais 49 municípios, totalizando 96 cidades que receberão os recursos extras. 

Também, o governo anunciou um programa para que as empresas possam fazer a adesão visando manutenção dos empregos. Conforme o anúncio, os empregados das empresas que se cadastrarem receberão, por dois meses, iniciando em julho, um salário-mínimo nacional em cada mês. Em contrapartida, as empresas não poderão fazer demissões pelos dois meses subsequentes, incluindo o período em que o empregado recebe o recurso do governo.

Região contemplada

Além disso, municípios da região também foram contemplados nos programas criados pelo governo federal visando auxiliar os impactados pelas chuvas históricas.

Nesta quinta-feira, foram anunciados a inclusão de mais cidades no Programa Auxílio Reconstrução, que repassa R$ 5,1 mil em cota única para as famílias atingidas pelas enchentes. 

Com isso, moradores que precisaram deixar suas casas temporária ou definitivamente nos municípios de Boa Vista do Cadeado, Bossoroca, Bozano, Caibaté, Capão do Cipó, Coronel Barros, Entre-Ijuís, Eugênio de Castro, Guarani das Missões, Itacurubi; Pejuçara, Pirapó, São Luiz Gonzaga; São Nicolau e Três de Maio poderão fazer o cadastro para receber os recursos. 

Conforme o programa, as prefeituras fazem o cadastro das famílias, a representante da família acessa o site do sistema e confirma as informações, após os dados são repassados à Caixa Econômica Federal para fazer o pagamento. O processo é totalmente gratuito. 

Fonte: Rádio Progresso de Ijuí e Governo Federal