Busca rápidaX


Secretaria da Saúde e prefeitura de Tenente Portela definem medidas de enfrentamento à dengue

31 de janeiro de 2024

O enfrentamento à situação da dengue em Tenente Portela, município com o maior número de casos confirmados da doença no Rio Grande do Sul este ano, foi a pauta da reunião entre a secretária da Saúde, Arita Bergmann, e o prefeito da cidade, Rosemar Sala. O encontro ocorreu no gabinete da secretária nesta quarta-feira (31/1), em Porto Alegre.  

Tenente Portela é um dos maiores municípios da região Noroeste do Estado e pertence à 2ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS), sendo um polo de atendimento de saúde para as demais cidades da região. Conforme o painel de casos de dengue, são 508 casos confirmados no município até esta quarta-feira. A cidade de Barra do Guarita, da mesma região, encontra-se em segundo lugar, com 270 casos confirmados. No ano, o Rio Grande do Sul já soma 1.704 casos de dengue, número 12 vezes maior do que o registrado no mesmo período do ano passado.   

Para conter o avanço do número de casos da doença e a circulação do mosquito transmissor (Aedes Aegypti), algumas medidas foram definidas durante o encontro, que também contou com a participação da equipe técnica do Centro Estadual de Vigilância em Saúde (Cevs).  

A diretora do Cevs, Tani Ranieri, informou que o planejamento das ações para o combate ao Aedes, deve reunir várias estratégias. “A gente também vai reativar no município a criação do comitê de combate contra a dengue”. A diretora destacou que esse comitê age na área de prevenção, com atividades junto às escolas e na área de assistência. “A organização da qualidade do serviço prestado pela população é fundamental para que a gente possa evitar casos graves e óbitos naquela região”, afirmou. 

A conscientização da população da cidade com a limpeza dos pátios e do ambiente para conter a proliferação de criadouros do inseto foi uma das ações principais destacadas pela secretária durante a reunião. “A SES está junto com os municípios para ajudar, isso faz parte da nossa rotina. Mas a população tem que fazer a sua parte, cada um é responsável pelo seu domicílio, pelo seu ambiente, porque o melhor meio de combater a dengue é a conscientização do povo”, ressaltou Arita.  

Rosemar Sala frisou que a situação da dengue em Tenente Portela se agravou apesar de todos os esforços da administração municipal e da população. “Queremos unir mais esforços, mais força, para que a gente possa combater o mosquito e a doença, com apoio da secretaria estadual”. O prefeito informou que a SES colaborou na aquisição e no envio de materiais, como as bombas para a borrifação do chamado Fumacê, inseticida que elimina o Aedes por meio de pulverização.

O prefeito também conclamou a sociedade para colocar em prática algumas medidas de prevenção. “Você que tem aquela tampinha, aquele pratinho, aquela folha que está lá com água parada, faça a sua parte, faça o seu trabalho para que esse mosquito e essa larva não eclodam, não gerem mais mosquitos e que não continuem esse foco vicioso da doença”, finalizou.  

Fonte: Rádio Progresso de Ijuí e governo do Estado