Busca rápidaX


MANCHETES

Em coletiva, Prefeitura de Ijuí e direção da UETI e Expofest reforçam união em prol da feira

10 de outubro de 2023
Participaram da coletiva integrantes do Poder Executivo de Ijuí, da diretoria da UETI e da Comissão Central Organizadora da Expofest 2023 (Foto: Adriano Dal Chiavon/Rádio Progresso de Ijuí)

Numa coletiva de imprensa realizada na manhã desta terça-feira, 10, membros da Prefeitura de Ijuí, da diretoria da União das Etnias de Ijuí (UETI) e da Expofest 2023 reforçaram a união para a realização da feira, que abre suas portas ao público nesta quarta-feira, 11, às 14h, no Parque de Exposições Wanderley Burmann, em Ijuí.

A coletiva, incomum na véspera de abertura de uma feira em Ijuí, buscou, principalmente, reforçar as decisões tomadas pelos organizadores, como a cobrança de estacionamento em parte do parque, que gerou polêmica e causou reação de parte da comunidade e da classe política, especialmente vereadores de oposição, que reprovaram o decreto de cedência do uso do parque para a realização da feira. Apesar disso, o evento acontecerá normalmente.

Em relação ao tema do estacionamento, o presidente da Expofest 2023, Nelson Casarin, detalhou informações acerca da cobrança. “Nós temos um contrato com uma empresa profissional, que faz esse trabalho não só em Ijuí, mas em várias feiras. E o contrato que temos determina que, se o faturamento do estacionamento chegar até a R$ 200 mil durante os dias da feira, 60% do valor vai para a feira e 40% fica para a empresa, descontados os 14,75% de impostos que são gerados ao município, também. Já se o faturamento ultrapassar os R$ 200 mil, 70% do montante fica com a feira e 30% vai para a empresa, com os descontos dos impostos. O valor do estacionamento será de R$ 20 e na entrada do parque haverá as identificações do estacionamento pago e do gratuito. Na metade da quadra da rua principal, haverá as três cancelas onde será feita a cobrança. Também haverá passagem livre para as autoridades, transporte público e aplicativos, sendo estes últimos com limite de permanência dentro do espaço de 15 minutos”, detalha Casarin. 

O presidente da UETI, Jonas Sala, reforçou que a medida de cobrar por parte das vagas de estacionamento visa reduzir um pouco o fluxo de veículos na BR-285, ao incentivar o uso por parte do público, do transporte coletivo, aplicativos e táxis. Sala reforçou que essa será uma primeira experiência e a medida, após a feira, será avaliada se foi positiva ou não.

Além disso, os participantes da coletiva ressaltaram a decisão negociada junto a empresa Medianeira, que permitiu, através de subsídio do poder público, que a linha de ônibus que sai da frente da prefeitura e vai até a feira, custará R$ 2, exceto no dia 19 de outubro, em que haverá catraca livre para todas as linhas da empresa. A ação foi enaltecida como uma forma de incentivar o uso do transporte público para acessar a Expofest 2023.

Na coletiva, ainda foram destacadas ações e iniciativas de sustentabilidade para esta edição da feira, novidades na programação, como o show da Esquadrilha da Fumaça, que acontece às 16h da sexta-feira, 13, no aeroporto, entre outras atrações dos palcos da feira.

Fonte: Rádio Progresso de Ijuí