Busca rápidaX


MANCHETES

Proposta da Unijuí para oferta do curso de Medicina em Santa Rosa tem avanços

30 de maio de 2024

A Unijuí teve avanços, nesta semana, na busca por ofertar o curso de Medicina no município de Santa Rosa. A prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, assinou o termo de adesão ao chamamento público para o edital que visa a seleção de propostas para abertura de novos cursos de Medicina no Rio Grande do Sul. Neste sentido, o Executivo de Santa Rosa manifesta, junto ao Ministério da Educação (MEC), a concordância para a instalação do curso na região. 

Conforme o reitor da Unijuí, professor Dieter Rugard Siedenberg, a mobilização de diversos setores e instituições da comunidade em apoio à implantação do curso  é uma etapa imprescindível para o êxito da proposta, pois evidencia o resultado de um desejo compartilhado por toda comunidade com os potenciais existentes na Universidade e na cidade de Santa Rosa em relação a este projeto. 

“Além de Santa Rosa, a direção da Fidene/Unijuí necessita buscar, ainda, a adesão de outros municípios para complementar a proposta, uma vez que será necessário comprovar a existência de, no mínimo, 300 leitos do Sistema Único de Saúde (SUS) na região para garantir a oferta de 60 vagas no curso. Este movimento será desencadeado por nós, nos próximos dias, em visita a todos os municípios da região onde funcionam hospitais que possam vir a servir de espaços de atuação e qualificação dos profissionais que serão formados”, destaca o reitor da Unijuí.

A iniciativa da Unijuí em buscar se credenciar para ofertar o curso de Medicina em Santa Rosa vem de encontro à publicação do edital de seleção de propostas, que foi lançado em outubro de 2023. No Estado, estão pré-selecionadas 11 regiões de saúde aptas a receber propostas, das quais somente quatro serão aprovadas. O credenciamento da Unijuí visa atender a região de Saúde de Santa Rosa, que compreende o município e outras 21 cidades. 

Essa iniciativa, conforme o professor Dieter Rugard Siedenberg, remete a uma trajetória de mais de 66 anos da instituição na consolidação e oferta de Ensino Superior de qualidade na região Noroeste do Estado. “A reiterada responsabilidade institucional para com o desenvolvimento regional se expressa nesse projeto de qualificação da formação de médicos na região, bem como no compromisso e promoção de melhorias na qualidade da infraestrutura das Unidades Básicas de Saúde (UBS), suprindo carências de atendimento integral da população”, ressalta. 

O reitor da Unijuí reitera, ainda, que o principal diferencial de uma proposta apresentada por uma instituição que está instalada na própria região é a contrapartida que ela pode oferecer, seja em termos de bolsas de estudo para qualificação de profissionais de saúde, em equipamentos que qualificarão os espaços de atendimento ao público, em investimentos ou em residências médicas. ”Os recursos são daqui e ficam aqui, o que é muito diferente quando uma proposta dessa natureza é realizada por uma instituição regida por uma lógica de mercado, sem maiores compromissos com seu entorno”, finaliza Dieter. 

Fonte: Rádio Progresso de Ijuí e Unijuí