Busca rápidaX


Cancelado júri sobre assassinato em Catuípe

6 de dezembro de 2023

O júri de Joel Callegari, que aconteceria na manhã de hoje (6), às 8h30, foi adiado e não há uma data definida para sua realização.

A juíza acolheu o pedido da defesa, devido ao escritório que faz a defesa do acusado ter participado de um júri ontem (5), em Palmares do Sul, e com isso não teria tempo hábil para organização e deslocamento até Catuípe. O réu é acusado de matar um vizinho no feriado de 21 de abril de 2023. 

A sessão do Tribunal do Júri será presidida pela juíza Rosmeri Oesterreich Kruger, mas ainda não foi marcada. O caso envolve o assassinato de Gilvane Pinto, de 41 anos, por um policial militar após uma discussão em Catuípe.

Relembre o fato:

O PM, armado com um cassetete, teria invadido a casa do vizinho por causa do volume alto do aparelho de som que ele escutava. Os dois discutiram e começaram a se agredir.

“Durante a briga, o suspeito sacou uma arma de fogo particular que trazia consigo e desferiu disparos tentando matar um amigo da vítima que estava no lugar, o qual conseguiu fugir sem ser atingido. Na sequência, realizou disparo em direção à vítima Gilvane Pinto, acertando-o na cabeça” palavras do delegado Antônio Matter Soares, responsável pela investigação do crime, para a reportagem do G1, em maio deste ano.

Gilvane ficou internado por quase uma semana no HCI antes de morrer em consequência do ferimento. O PM, em depoimento à Polícia Civil, alegou legítima defesa

Foto: Águas Claras