Busca rápidaX

MANCHETES

Deputado Pompeo de Mattos assume rotineiramente presidência das sessões da Câmara

17 de maio de 2023

A Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados aprovou, ontem, por maioria, a Proposta de Emenda à Constituição que isenta legendas e políticos que cometeram crimes eleitorais de 2015 até ano passado, ou seja, que não cumpriram cotas de sexo ou raça e que anistia legendas com irregularidades em prestações de contas.

A proposta ainda precisa passar por uma comissão especial e pelo plenário, antes de seguir ao Senado. Por exemplo, não vão ser aplicadas inclusive multas ou suspensão do Fundo Partidário e do Fundo Especial de Financiamento de Campanha.

Durante entrevista hoje pela manhã na RPI, o deputado federal gaúcho pelo PDT, Pompeo de Mattos, disse que vê com desconfiança a PEC. Ele entende que algumas questões de gênero ou raça dentre os partidos podem ser ajustadas, mas contas mal prestadas pelas siglas não é possível concordar. Porém, o parlamentar acha que existem multas muito exageradas, cujo valor ultrapassa o tamanho do partido.

Pompeo de Mattos é segundo suplente da mesa diretora da Câmara Federal e constantemente assume a direção do parlamento durante as sessões plenárias, quando o presidente, Arthur Lira, tem outros compromissos. Ontem, por exemplo, presidiu a sessão das 16 até por volta das 22 horas e 30 minutos. Ele observou que esses encontros dos deputados federais têm ocorrido de forma acalorada, mas de maneira democrática.

Fonte: Rádio Progresso de Ijuí