Busca rápidaX


Estado atualiza lista de cidades nas quais cartão do programa Professor do Amanhã está disponível

28 de maio de 2024

Em razão do evento meteorológico que afeta o Rio Grande do Sul, a entrega dos cartões Banrisul com o pagamento da bolsa-auxílio do programa Professor do Amanhã está atrasada em alguns municípios. A Secretaria de Inovação, Ciência e Tecnologia (Sict), que executa o programa, e o banco estão em contato permanente, desde o começo da situação, para solucionar o problema.

Nesta terça-feira (28/5), a Sict atualizou as cidades em que os cartões já estão disponíveis na agência do Banrisul. São elas:  

Aceguá, Água Santa, Alvorada, Arroio do Tigre, Barros Cassal, Bento Gonçalves, Bom Retiro do Sul, Cachoeirinha, Campo Bom, Canoas, Carazinho, Carlos Barbosa, Casca, Charqueadas, Colorado, Condor, Cruzeiro do Sul, Erechim, Espumoso, Estação, Estância Velha, Esteio, Gravataí, Guaíba, Ijuí, Lagoa Vermelha, Marau, Nova Alvorada, Nova Bréscia, Nova Santa Rita, Novo Hamburgo, Pantano Grande, Parobé, Passo Fundo, Porto Alegre, Santa Rosa, Santo Augusto, Santo Ângelo, São José do Ouro, Sapiranga, Sapucaia do Sul, Sarandi, Soledade, Teutônia, Triunfo e Viamão. 

Atraso 

A empresa responsável por fazer o envio dos malotes com os cartões às agências no interior, localizada em região próxima ao Aeroporto Salgado Filho, sofreu com o alagamento que atingiu Porto Alegre. Mais de 100 cidades com beneficiários residentes foram impactadas pela logística e podem estar com a entrega atrasada.    

O governo do Estado, por meio da Sict, cumpriu o cronograma estipulado previamente pelo programa para o pagamento da bolsa. Em 2 de maio, a secretaria realizou o pagamento das mais de 900 bolsas ativas, totalizando mais de R$ 700 mil. Dessa forma, os alunos que possuem o Cartão Cidadão, vinculado a outras iniciativas do Estado, já conseguiram acessar o valor da bolsa, que é de R$ 800 mensais. 

A Sict lamenta o ocorrido e reitera que tem ciência de que muitos alunos se encontram em situação de vulnerabilidade, destacando também que não está medindo esforços para solucionar a situação o mais breve possível, mesmo com as dificuldades que o Rio Grande do Sul enfrenta. As informações serão atualizadas sempre que houver novidades.

Fonte: Rádio Progresso de Ijuí e governo estadual